Teste de Romberg

Nossos Serviços > Teste de Romberg

  O Teste de Romberg √© realizado durante o exame Otoneurol√≥gico e, inicialmente foi descrito para avaliar a integridade das colunas dorsais da medula espinhal.

  Na verdade o Romberg Simples (como tamb√©m √© chamado) √© um teste de integridade somatossensorial. Isso porque a principal informa√ß√£o necess√°ria para que o paciente se mantenha est√°vel e sem oscila√ß√Ķes na posi√ß√£o ereta √© a proprioceptiva (somatossensorial).

Conhecendo as bases neurofisiológicas:

  A propriocep√ß√£o √© uma sensa√ß√£o profunda que surge a partir dos m√ļsculos, ligamentos, tend√Ķes e articula√ß√Ķes. Estes respondem primariamente √† press√£o, tens√£o e alongamento. Os Impulsos destes receptores s√£o realizadas por grandes fibras mielinizadas. Os corpos celulares destes neur√≥nios est√£o situados no g√Ęnglio da raiz dorsal. As fibras nervosas que transportam esses impulsos viajam pela medula, passando pela ponte, mesenc√©falo, t√°lamo at√© chegar no c√≥rtex parietal.

Explicação para o "Romberg Positivo":

  Uma propriocep√ß√£o prejudicada pode ser superada pelo feedback visual e vestibular. No entanto, reduzindo o "input" visual nos ambientes escuros ou devido ao fechamento dos olhos, podemos provocar desequil√≠brio no paciente. Pedir para fechar os olhos durante o teste do Romberg, ajuda a descobrir se a propriocep√ß√£o alterada pode ter sido mascarada pela vis√£o.

  O teste √© considerado positivo quando o paciente apresenta oscila√ß√£o ou queda ao fechar os olhos, ou piora do desequil√≠brio j√° existente de olhos abertos.

No entanto, fiquemos atentos!

  Na altera√ß√£o somatossensorial, o balan√ßo come√ßa assim que os olhos est√£o fechados, ocorre em todas as dire√ß√Ķes, e √© r√°pido. Nos dist√ļrbios labir√≠nticos, o desequil√≠brio surge ap√≥s um intervalo, consiste de uma inclina√ß√£o lateral lenta do corpo, √© de pequena amplitude, sempre no mesmo sentido e pode variar com a posi√ß√£o da cabe√ßa. Uma ataxia que est√° presente com os olhos abertos, sem crise vertiginosa, √© sugestiva de etiologia cerebelar.